Homem é preso após agredir mulher e ameaçar matar filho em Guaratinguetá

0

Caso aconteceu neste domingo (5). Criança tem um ano e sete meses e durante uma hora ficou como refém do pai, que ameaçava atear fogo na casa.

Um homem de 27 anos foi detido na tarde desse domingo (5) após agredir a mulher e ameaçar matar o próprio filho de um ano e sete meses. Após uma hora de negociação com a polícia, ele se entregou e devolveu a criança para a mãe.

Segundo a Polícia Civil, durante uma discussão na manhã deste domingo, o homem agrediu a mulher com vários socos e em seguida fugiu de moto levando o filho bebê do casal. O homem se trancou com a criança na casa em que morava no bairro Parque do Sol.

A PM foi acionada e chegando ao local solicitou que o homem devolvesse a criança, mas ele se recusou a abrir o portão da casa e ameaçou colocar fogo no imóvel, para se matar junto com o filho.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, o homem chegou a liberar o gás do botijão de gás por quatro vezes.

Após uma hora de negociação com a PM, o homem entregou a criança por cima do muro do vizinho e após alguns minutos se entregou para a polícia.

O homem, que já era procurado pela polícia por tráfico de drogas, foi indiciado por tentativa de homicídio e violência doméstica e em seguida levado para a cadeia da cidade.

Via: G1