Taubaté: Suspensão de horas extras na Câmara irá economizar R$ 250 mil neste ano

0

A Câmara de Taubaté estima economizar R$ 250 mil em 2017 com a suspensão de horas extras ao funcionalismo. A medida é uma das ações tomadas para a redução do repasse esperada para este ano.

“Vamos ter queda no orçamento deste ano, visto que a arrecadação da Prefeitura diminuiu, e automaticamente a Câmara é prejudicada. Teremos R$ 2,7 milhões a menos no orçamento. A gente vai ter que ter habilidade, não vai ser fácil, mas tenho certeza de que vamos conseguir”, afirmou o presidente da Câmara, Diego Fonseca (PSDB).

Publicada no Boletim Legislativo do dia 27 de janeiro, a Portaria nº 61/2017 determina, em seu artigo 1º, que “todas as horas trabalhadas que excederem as jornadas diárias e semanais dos servidores serão incluídas no sistema de compensação de horas”, conhecido como banco de horas.

LEAVE A REPLY

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.